Netsaber » Biografias

Ataulfo de Paiva

(Advogado, magistrado e orador)
1867-1955


Ataulfo de Paiva (A. Nápoles de P.), advogado, magistrado e orador, nasceu em São João Marcos, RJ, em 1o de fevereiro de 1867, e faleceu no Rio de Janeiro, RJ, em 8 de maio de 1955. Eleito em 9 de dezembro de 1916 para a Cadeira n. 25, na sucessão de Artur Orlando, foi recebido em 23 de maio de 1918 pelo acadêmico Medeiros e Albuquerque.

Ainda estudante do primário, em Barra Mansa, redigiu A Aurora Barramansense. Estudou na Faculdade de Direito de São Paulo, onde colou grau em 1887. Foi juiz municipal em Pindamonhangaba, São Paulo. No Rio de Janeiro, ocupou os cargos de pretor, juiz do Tribunal Civil e Criminal e presidente da Corte de Apelação do então Distrito Federal. Foi ministro do Supremo Tribunal Federal, presidiu o Conselho Nacional do Trabalho e representou o Brasil nos Congressos Internacionais de Assistência Pública e Privada de Paris e Milão.

Fez campanha pela sistematização das assistências pública e privada e sua aliança, sob a inspeção do Estado, encarregado oficialmente de fazer a história e estatística da assistência no Distrito Federal. Fundou a Liga Brasileira contra a Tuberculose, da qual foi presidente perpétuo, e que mais tarde foi denominada Fundação Ataulfo de Paiva. Criou o Preventório D. Amélia, em Paquetá, o primeiro do seu tipo no Brasil, e o serviço de Vacinação Antituberculosa BCG.

Foi presidente do Conselho Nacional de Serviço Social, presidente da Comissão do Livro do Mérito e presidente da Academia Brasileira de Arte. Na Academia Brasileira de Letras, foi secretário-geral, de 1920 a 1922, e presidente em 1937. Era membro honorário do Instituto Histórico e Geográfico Brasileira e da Academia Fluminense de Letras.

Obras: O Brasil no Congresso Internacional de Direito; Comparado de Paris (1900); Justiça e assistência: os novos horizontes (1916); Discursos na Academia (1944); Assistência pública e privada no Rio de Janeiro; Os loucos criminosos e os criminosos loucos; Discurso no centenário do Barão de Loreto.

Biografias Relacionadas


- Adelmar Tavares

Adelmar Tavares (A. T. da Silva Cavalcanti), advogado, professor, jurista, magistrado e poeta, nasceu em Recife, PE, em 16 de fevereiro de 1888, e faleceu no Rio de Janeiro, RJ, em 20 de junho de 1963. Eleito em 25 de março de 1926 para a Cadeira n. 11,...

- Fernando Magalhães

Fernando Magalhães (F. Augusto Ribeiro M.), médico, professor e orador, nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 18 de fevereiro de 1878, e faleceu na mesma cidade em 10 de janeiro de 1944. Eleito em 22 de julho de 1926 para a Cadeira n. 33, na sucessão de Domício...

- Aníbal Freire Da Fonseca

Aníbal Freire da Fonseca, jornalista, advogado, magistrado, professor, orador e político, nasceu em 7 de julho de 1884, em Lagarto, SE, na mesma cidade em que nasceram dois outros antigos acadêmicos, Sílvio Romero e Laudelino Freire, seu tio. Faleceu...

- Pedro Calmon Moniz De Bittencourt

Jornalista, político, ensaísta, historiador e biógrafo brasileiro nascido em Amargosa, Estaado da Bahia, destaque como professor e administrador na área educacional. Filho de Pedro Calmon Freire Bittencourt e Maria Romana Moniz de Aragão Calmon de Bittencourt,...

- Aloísio De Castro

Aloísio de Castro, médico, professor, orador, poeta e compositor, nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 14 de junho de 1881, e faleceu, na mesma cidade, em 7 de outubro de 1959. Eleito para a Cadeira n. 5 da Academia Brasileira de Letras, na sucessão de Osvaldo...