BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


A Narrativa E Sua Estrutura
(Literatura Brasileira)

Publicidade
O que é uma narrativa?É uma manifestação literária que procura mostrar o desenvolvimento de uma ação no tempo e no espaço por meio da movimentação de personagens, conjunto este transmitido ao leitor por um narrador que adota um determinado ponto de vista(foco narrativo).

O que é ficção?É invenção, criação, imaginação, fingimento, é o cerne da literatura feita com palavras.

O que é epopéia? È uma narrativa literária de grande extensão e caráter heróico que atinge interesses sociais e nacionais onde se movimentam deuses e heróis .

O que é um romance? É a forma narrativa em que ocorre um desenvolvimento minucioso da ação dos personagens, proporcionando ao leitor uma visão da totalidade do universo representado. Apresenta uma estrutura complexa capaz de análises, detalhes e pormenores com a finalidade de construir um universo narrativo coerente e organizado.

Quando surgiu o romance No séc. XVIII, com a ascensão da burguesia, surge substituindo a epopéia.

Quais são as características do romance, essa nova forma literária?
È uma forma literária feita pelo, para e com o povo em molde descritivos e narrativos.

Como se estruturou o romance romântico? Em duas camadas; uma otimista, cor-de rosa, onde os personagens retratavam os burgueses a imagem do que pretendiam ser, idealizados.
Na outra camada criticava o sistema por vezes sutil e implicitamente, por vezes de forma declarada e violenta.

Quais são os subgêneros do gênero narrativo? A prosa de ficção está dividida em:
Epopéia, romance, novela e conto.

Qual é a estrutura básica do romance?
Ação , tempo, espaço, narração (narrador) e foco narrativo ou ponto de vista do narrador.

Diferencie história e enredo: a seqüência de fatos e acontecimentos constitui a história e a organização dessa seqüência resulta no enredo.

O que é ação?São as vivências e atitudes dos personagens do texto narrativo





Quais são as partes da história de uma narrativa, e em que consistem?
Apresentação- nesta parte, o ficcionista mostra ao leitor os primeiros dados do mundo construído, personagens e suas características, espaço em que se movimentam, as relações entre si, e as referências temporais.
Complicação-é o momento em que se rompe o equilíbrio do estado inicial, surge
m conflitos e ocorrem transformações, onde o encadeamento dos episódios conduz a narrativa a um ponto de tensão.
Clímax- é o ponto máximo de tensão.
Desfecho ou desenlace- situação final , ou seja, o equilíbrio que se restabelece depois do clímax.

Defina personagens de uma narrativa e classifique-os: são seres fictícios, criados pelo ficcionista por meio da organização de traços recolhidos da realidade e trabalhados pela imaginação.
Classificação dos personagens na narrativa convencional:
Protagonista- é o personagem principal da narrativa.
Antagonista- é o opositor do protagonista, não necessariamente um personagem.
Personagens secundários- ou adjuvantes ou coadjuvantes- surgem ao redor do protagonista ou do antagonista. Sua atuação é normalmente a mesma ao longo da trama.
Os personagens ainda podem ser : Planos e esféricos (redondos)
Planos ou desenhados ? de conduta previsível (tipos e caricaturas)
Esféricos ou redondos- comportamento complexo e pouco previsível, surpreendentes.

Fale sobre o tempo no texto narrativo:
O mundo construído pelo ficcionista apresenta marcas temporais: datas, meses do ano, posição dos astros, tempo histórico, e é nesse e tempo que se desenvolve a história, num tempo imaginário. Ao lado desse tempo temos o tempo do discurso, que é o tempo demandado para o leitor decodificar o texto. Portanto ao narrativa apresenta dois tempos
Diferentes e simultâneos, o tempo imaginário(tempo da história) e o tempo do discurso que é o tempo real e cronológico.

Como o ficcionista pode lidar com o tempo da história?
O texto pode ser organizado de diversas formas, não necessariamente obedecendo a ordem cronológica. Portanto ele se utiliza de alguns recursos como: retrospectivas ( apresenta fatos anteriores) Flashback. Por antecipações ( apresenta fatos posteriores)flashward.
Pausa, momentos de digressões do narrador, o que retarda a narrativa.
Elipses que são saltos temporais, onde o texto concentra-se nos fatos principais.
Sumário que é o recurso onde o narrador resume diversos acontecimentos.
Cena que apresenta diretamente as falas dos personagens, como no teatro.

O que é tempo psicológico? Inclui o monologo interior do personagem e fluxo de consciência do personagem, nesse caso a discurso é prolongado pela vivência mental experimentada pelos personagens.



O que é o espaço na narrativa? É o conjunto de componentes físicos que servem de cenário ao desenrolar da ação e movimentos dos personagens da narrativa.

Qual é a função do espaço na narrativa? Dar a ela funcionalidade e organização

.O que é ambientação? Como ela se subdivide?
´[e a descrição subjetiva do espaço e se subdivide em: ambientação franca- que é descrita pelo narrador. Ambientação reflexa- a voz de uma personagem descreve o espaço.
Ambientação dissimulada ou oblíqua ? a descrição é feita pelas ações dos personagens.
O que é fábula? É o que se conta da narrativa.
O que é trama? É como se conta a narrativa.

A partir de quando e porque a descrição do espaço se tornou fundamental? A partir do realismo naturalismo o cenário interfere na condução dos personagens e ambiente passa a ser vivenciado pelo leitor.

Quem é o narrador? É a voz que narra, um elemento do mundo ficcional, é sua existência que diferencia gênero narrativo e gênero dramático.

Conceitue foco narrativo: é o ponto de vista assumido pelo narrador, através dele o narrador se distancia ou se aproxima dos personagens, seu conhecimento sobre o mundo que apresenta pode ser completo ou parcial, sua posição tende a neutralidade ou participativa.



Resumos Relacionados


- A Hora Da Estrela

- Amar, Verbo Intransitivo

- São Bernardo

- A Hora Da Estrela

- O Texto



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia