BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Canção Da Ribeirinha
(Paio Soares de Taveiros)

Publicidade
No mundo ningúem se assemelha a mim;
 Enquanto a minha vida continuar como vai;  Porque morro por vós, e ai; minha senhora de pele alva e faces rosadas,
 Quereis que vos descreva.Quando vos eu vi sem manto Maldito dia! me levantei
 Que não vos vi feia, Pois a vi mais bela E, minha senhora , desde aquele dia, ai Tudo me foi muito mal
E vós, filha de don Pai Moniz, e bem vos parece, De ter eu por vós guarvaia, ( roupa luxuosa), Pois eu, minha senhora, como mimo,( prova de amor) De vós nunca recebi, algo , mesmo que sem valor



Resumos Relacionados


- Fragmentos

- Roubei Vc!

- Amigos Anjos E Flores

- Quero Esquecer

- Não Me Provoque!



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia