BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


O Alquimista
(Paulo Coelho)

Publicidade
Gostaria de rectificar o nome deste fabuloso escritor, brasileiro de raíz universal de coração. Paulo Coelho conseguiu reunir no livro O Alquimista, os mistérios que o Homem criou, a simbologia que afixou em cada objecto ou acontecimento, mas mais que tudo isso aprendemos o respeito pelas culturas variadas, especialmente as orientais, onde ainda se valorizam alguns costumes que na vida ocidental já há muito se perderam.

O rapaz pastor de ovelhas, que aprendeu a essência dos elementos, mesmo sem se ter apercebido, tem os seus objectivos bem delineados, até que um dia tudo se modificou. Pela afirmação de que aquele não seria o caminho por onde deveria seguir, as escolhas que fizera seriam para a sua própria infelicidade, Santiago o pastor, vende as suas ovelhas, para procurar um tesouro nas Pirâmides do Egipto.

Após uma consulta a uma velha que interpretava sonhos, começa a entender que não poderia confiar em toda a gente, no entanto a velha dissera-lhe que havia um tesouro nas Pirâmides do Egipto. Na praça senta-se e aparece um velho, com quem não lhe apetece falar. Mas o velho, que lhe interrompia a leitura de um livro que alugara, perguntou-lhe qual a maior mentira do mundo e respondeu: "É esta: em determinado momento da nossa existência, perdemos o controlo das nossas vidas, e ela passa a ser governada pelo destino. Esta é a maior mentira do mundo." Após o conhecimento deste personagem que nada mais é que o Rei de Salem, este ensina-lhe a importância de cumprir a sua Lenda Pessoal como sendo a única obrigação dos Homens. Explica-lhe também sobre a Alma do Mundo e demonstra-lhe a infelicidade das pessoas que não seguem a sua Lenda Pessoal. Fala-lhe também da linguagem dos sinais e da importância de saber interpretá-los.

Após isso Santiago enceta uma viagem pela África onde encontra obstáculos como a língua, as pessoas de más intenções e descobre o desânimo após ter sido roubado e ficado sem nada.

Descobre também que pode influir na vida das outras pessoas, levando um vendedor de cristais a enriquecer e ganhando novamente dinheiro para prosseguir viagem.

No deserto aprenderá que a vida e a morte andam de mãos dadas. Ao chegar a um Oásis encontra parte da sua Lenda Pessoal em Fátima, uma rapariga do deserto que aprendeu com as outras mulheres a esperarem o regresso dos seus homens.

Sai do Oásis para completar a sua Lenda Pessoal. Será que terá a força e determinação para ir até ao fim? Conseguirá a perspicácia dele entender a força dos elementos? Chegará ao seu Tesouro?

Este é um livro que embora bastante ficcionado, leva-nos a ponderar as escolhas que fazemos na nossa vida e o empenho que mantemos por ela. Levanta questões como quem será verdadeiramente o Criador de todas as coisas e qual o seu objectivo connosco. Será que a Lenda Pessoal e a Alma do Mundo existem?

Paulo Coelho escreveu um livro baseado em lendas milenares e nas suas próprias crenças. Algumas delas poderão ter uma base relativamente forte, mas para isso é preciso aprofundar o nosso conhecimento desde a fundação do mundo, quem criou o Universo, quem nos criou, qual o propósito da nossa existência e finalmente para onde vamos?

Paula VD




Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia